SOU É, SOU É MAITÁ SOU E

Sou é, sou é
Maitá soué

Refrao:

Atao faza da liberdade
Que o negro reconqui isto
Selebrando a vitoira
O greto de gerra recuo

Refrao:

Sinho jurou liberdade
Si fose pra gerraluta
O negro fujil pro para quai
Pro se junta, o pelo tao maitá

Refrao:

Fernando lo piz pretendia
O mato grosswo conquista
Ma o que ele nao sabia, que caxia
Traira consigiu, u maitá

Refrao:

Atabalia de ria choeiro
O negro surpri e deu
Com rasteira e cabesada
A vitoria conteseu